Gostou? Clica aqui:

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

off topic - assassinato no senado

Bom, o post de hoje não é sobre beleza, nem make up, nem esmaltes, nem nada assim. Eu faço direito (a faculdade viu? rs) e, apesar do meu lado patricinha e do meu vício por produtcheeenhos rs, eu sou completamente apaixonada pelo mundo jurídico. Decidi ser advogada aos 7 anos e cada dia que passa amo mais o que escolhi. Enfim, passando a parte introdutória: esses dias na faculdade, fizemos um trabalho sobre a imunidade parlamentar do senador e eu descobri uma história que parece absurda, mas é real:


O pai do Collor matou um senador dentro do plenário em sessão.
            Fernando Collor de Melo foi o único presidente do Brasil a sofrer Impeachment, mas não é o único político da família Melo a se envolver em escândalos. Em cinco de dezembro de mil novecentos e sessenta e três, Arnon Afonso Farias de Melo, pai do ex-presidente, dentro do plenário do senado federal, disparou três tirou contra o senador Silvestre Péricles, seu inimigo político, quando este partiu para agredí-lo após acalorada discussão. A situação que já era absurda ficou ainda mais, embora Arnon tenha errado os três tiros (graças a rapidez de Péricles ao se jogar no chão), um deles acabou acertando o senador suplente José Kairala (Acre), vitimando-o fatalmente. Kairala, deixou três filhos e a esposa, que estava grávida. A família estava no plenário e assistiu sua morte.
            No dia seguinte, houve quem defendesse o senador Arnon. O jornal O Globo trazia em sua primeira página a notícia, na qual lia-se o seguinte trecho:  " A democracia, apesar de ser o melhor dos regimes políticos, dá margem, quando o eleitorado se deixa enganar ou não é bastante esclarecido, a que o povo de um só estado- como é o caso- coloque na mesma casa legislativa um primário violento, como o Sr. Silvestre Péricles, e um intelectual, como o Sr. Arnon de Mello, reunindo-os no mesmo triste episódio, embora sejam eles tão diferentes pelo temperamento, pela cultura e pela educação".
            Como, se tratou de um crime comum e afiançável, a imunidade parlamentar livrou Arnon de Melo de qualquer punição.


           Pois é, quem assiste a TV Senado volta e meia fica perplexo com os palavrões que sucedem o "Vossa Excelência" rs, mas já imaginou que uma dessas discussões fosse terminar assim? Um senador, cargo importantíssimo na política, ao qual exige-se a idade mínima de 35 anos, para que (ao menos teoricamente) só cheguem ao cargo, os mais serenos e bem preparados, saca uma arma (aliás o que ele estava fazendo com uma arma dentro do senado?) e atira contra um inimigo político (e ainda erra todos os tiros, acertando em outro senador que nada tinha a ver com a rixa). 

           Desculpem ter fugido do assunto do blog, mas achei que essa história devia ser contada. ;*

8 comentários:

  1. é Fran esse é o nosso país né...
    Uma vergonha como diz Boris Casoy
    Beijokas Divas
    Deby Faria

    ResponderExcluir
  2. Flor linda amei o post!
    Obrigada pelo carinho que vc deixou no blog. Passando para te deixar um beijinho!
    Semana abençoada para vc!

    ResponderExcluir
  3. Sério? Isso é mesmo verdade? Menina... tô boba! o_O
    Quanta coisa q a gente ignora, né? Bom saber... o ruim é ver (como vemos muitas vezes na mídia em geral) como os meios de comunicação deturpam os fatos. Aff...

    Lindaaaaaaa, parabéns pela digna profissão. Desejo q vc seja uma ótima e honesta, principalmente, advogada.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  4. Deby, pra ser sincera eu sou bem patriota viu? Acho que não é bem como pintão não. Os outros países também têm absurdos, a diferença é que raramente ficamos sabendo. Eu mesma só soube que Paris tinha favela quando, há alguns anos, eles invadiram o centro e começaram a pôr fogo em tudo.

    ResponderExcluir
  5. Pois é Gi, também fiquei e isso que a maioria das decisões estão nas mãos dos Senadores, que são os representantes de cada estado no Congresso :/ . Fiquei besta do Globo defendendo ele também rs, pôxa o "intelectual" que tem "cultura e educação" deu 3 tiros no meio de uma sessão e matou um senador!

    Obrigada Gi! vou tentar ser ótima, pq amar essa profissão eu já amo muito e honesta pode ter certeza que eu nunca vou deixar de ser :D

    Beeeijo

    ResponderExcluir
  6. Eita que blog lindo é esse amiga!
    Fazia algum tempo que não vinha aqui,devido a correria do dia a dia,mas hoje aproveitei o tempo livre e corri para te visitar.Posso perceber que a cada dia você tem tornado este espaço mais atualizado e recente,isso conquista varias seguidoras inclusive eu kkk.Sua postagem de hoje,esta simplesmente maraaaaaa,parabéns!

    Quero aproveitar para lhe fazer um convite super especial,la no blog esta rolando sorteios e uma super resenha,quando tiver um tempinho passe por lá para dar uma espiadinha ,deixar sua opinião e garantir prêmios.

    Tenha um excelente dia!
    Nanda
    Coisas de Mulher
    http://coisasdemulher21.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Muuuito obrigada Nanda, sua linda!
    E claro que vou lá conferir rs
    ;**********

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar. Se quiser receber uma notificação da minha resposta, basta selecionar "notifique-me" abaixo (perto de enviar comentário). Obrigada.